1
Celso Chambisso
April 24, 2019

Moza reporta prejuízos de 768,4 milhões de meticais em 2018

Apesar de permanecer negativo, o resultado líquido do banco representa uma melhoria de 47% em relação ao exercício económico anterior

1
2
Fotografia
:

O prejuízo ainda está lá, mas os accionistas do Banco Moza já têm algumas razões para sorrir. A título ilustrativo, o volume de negócios do Moza Banco registou um crescimento na ordem de 29% para 46,7 mil milhões de meticais em 2018, comparativamente ao exercício económico do ano anterior, que se fixou em cerca de 36,1 mil milhões de meticais.

A carteira de clientes aumentou em 16% para perto de 135 mil em 2018, contra cerca de 116 mil clientes em 2017, indica o Relatório e Contas da instituição, citado pelo jornal “O País”.

Contudo, os resultados líquidos do Moza Banco apontam para prejuízos no valor cerca de 768,4 milhões de meticais, abaixo de 1,4 mil milhões de meticais registados em 2017, reflectindo, deste modo, uma melhoria de 47%.

Os accionistas deste banco associam a evolução positiva dos resultados de 2018 ao acréscimo das comissões líquidas decorrentes de prestação de serviços bancários, e por outro lado, pelo registo de menores custos com imparidade de crédito.

Já o passivo do banco aumentou para cerca de 27,3 mil milhões de meticais, contra 19,4 mil milhões em 2017, com o rácio de solvabilidade a fixar-se nos 21,70%, muito acima do recomendado pelo Banco de Moçambique, que é de 12%.

Em destaque

7

Leia também